Por assunto

Financeiro

Administrativo

Segurança

Social

Por perfil

Condomínios

Administradoras

Síndicos profissionais

Moradores

10 pontos importantes na escolha da Administradora Condominial

Entenda como uma escolha direcionada e inteligente de uma Administradora Condominial pode revolucionar a gestão administrativa de um condomínio

Introdução

Sabemos que com o desenvolvimento e o crescimento dos centros urbanos, a presença de grandes condomínios tem se tornado cada vez mais frequentes nas cidades. Desse modo, esses grupos de habitações atendem as necessidades de uma grande parte da população que deseja estar presente em metrópoles, sem, no entanto, abrir mão da segurança.

Nesse contexto, os condomínios têm ocupado expressiva importância na sociedade moderna, com uma ampla variedade de opções de escolha para quem deseja se mudar para esse tipo de organização. Sendo assim, para se destacar no mercado concorrido, o funcionamento e a gestão do condomínio devem ser exímios, oferecendo o máximo de conforto, agilidade e segurança para os moradores. 

Portanto, a presença de uma eficiente Administradora Condominial é de fundamental importância para o sucesso da atuação na área.

LEIA TAMBÉM: Conheças as atribuições de uma administradora de condomínios

Qual é a função da Administradora Condominial?

A Administradora Condominial surgiu como forma especializada e profissional de gestão para ajudar na atuação dos síndicos. Desse modo, com o surgimento de grandes e populosos conjuntos habitacionais, as necessidades e demandas dos condomínios se tornaram cada vez mais complexas e numerosas. É nesse cenário que a empresa administradora de condomínio aparece como uma ferramenta valiosa para a gestão condominial.

Portanto, funcionando como uma rede de suporte, a Administradora Condominial empenha-se em prestar auxílio em todas as áreas de gerência do condomínio, garantindo um aumento da eficiência e da rapidez na entrega das demandas. Assim, empresas dessa área vão ficar a cargo de assuntos burocráticos, como administração financeira, recursos humanos e assessoria ao síndico sobre leis condominiais. Com isso, garante-se, com mais efetividade, o bem-estar e a boa vivência de todos os moradores.

A importância de escolher bem uma Administradora Condominial

Com todos os benefícios supracitados, entende-se a importância da presença de uma Administradora Condominial para uma gestão de sucesso. Entretanto, tão importante quanto a presença dessa empresa na direção do conjunto habitacional é a escolha inteligente e eficaz da corporação que irá compor a administração.

Dessa forma, a escolha deve ser certeira. Os planos requeridos pelos condomínios devem ser apresentados e esclarecidos previamente para uma maior taxa de sucesso de sua escolha. Somente dessa maneira, a gestão condominial poderá estar em equilíbrio com a vivência no dia a dia dos moradores, reduzindo frustrações e eventuais discussões consequentes de uma má oferta administrativa das necessidades condominiais.

LEIA TAMBÉM: Saiba como trocar a Administradora do Condomínio

Confira 10 pontos importantes na escolha da Administradora Condominial

Para te auxiliar no direcionamento de sua escolha de uma Administradora Condominial responsável pela gestão e organização, pontuamos aqui 10 pontos importantes a serem considerados na sua pesquisa. 

A partir da análise e comparação deles, você será capaz de realizar uma escolha inteligente e estratégica, que trará muitos benefícios para a gestão condominial:

01 – Saiba o que quer

Antes de solicitar e fechar contrato com qualquer prestadora de serviços, é de fundamental importância que os aspectos que você julga necessários sejam traçados e definidos de forma clara. Sendo assim, os itens que necessitam ser melhorados para uma gestão condominial mais eficiente podem ser debatidos e trabalhados. 

02 – Pesquisa

Com o auxílio da internet, a pesquisa e o estudo das empresas atuantes no setor como Administradora Condominial se tornaram muito acessíveis e fáceis. Desse modo, use e abuse dessa ferramenta na hora que buscar quem irá te ajudar na gestão eficiente. Lembre-se sempre de procurar boas referências nos serviços prestados, indicações, recomendações e elogios. 

03 – Conheça os serviços

Outro passo fundamental de uma escolha é saber a abrangência dos serviços ofertados pela empresa, isto é, conhecer em quais etapas exatamente a Administradora Condominial poderá atuar. Dessa forma, todas as necessidades requeridas poderão ser verificadas perante a possibilidade ou não da oferta dos serviços das empresas.

04 – Conheça os mecanismos

Ter uma transparência acerca dos mecanismos utilizados na gestão condominial é muito importante para quem deseja ter um contato maior e mais claro com os habitantes e com os responsáveis pela administração. Desse modo, em uma reunião com os representantes da empresa, procure entender e tirar suas dúvidas sobre os métodos e meios que a empresa utiliza. Assim, o trabalho prestado fica mais eficiente, uma vez que o entendimento sobre o funcionamento das ações é difundido e compartilhado.

05 – Avalie prazos

Depois de conhecer os serviços e os mecanismos utilizados, é hora de entender os prazos que a administradora dá para atender as necessidades dos condomínios, principalmente em caso de urgência. Logo, caso a gestão esteja muito debilitada e ações imediatas precisam ser tomadas, empresas com atendimento e atuação ágeis devem ser priorizadas. Por outro lado, se o caso for problemas e empecilhos estruturais de longa data, que precisam de um olhar mais calmo e estudado sobre o assunto, empresas com maior controle e planejamento assumem posição principal na escolha.

LEIA TAMBÉM: Administradora de Condomínios: como aplicativo pode aumentar retenção de clientes

06 – Contrato claro

Saiba que assumir um contrato é assunto sério e saber de todas as responsabilidades decorrentes dele é de suma importância para eventuais ações administrativas futuras. Portanto, certifique-se do esclarecimento de todos os serviços oferecidos, incluindo informações sobre honorários, possíveis taxas extras, período de contrato, quebra de contrato, etc. Quanto mais claro e munido de informações o contrato estiver, menos surpresas e frustrações podem surgir durante o período de trabalho da administradora.

07 – O barato pode sair caro

Saiba que o preço não deve ser o fator primordial para embasar a sua escolha de contrato. Desse modo, saiba que honorários muito baixos podem trazer problemas futuros muito mais custosos e trabalhosos. Empresas referências no mercado costumam priorizar a boa qualidade dos serviços prestados, sendo natural um valor mais alto nesses casos. Uma dica importante é pesquisar valores médios existentes no mercado, pois assim você se mune de referenciais reais e sua escolha passa a ser mais assertiva.

08 – Conheça as leis

A informação acerca das leis é uma ótima maneira para se munir de desvios e de erros na hora do fornecimento dos serviços. Por isso, saiba quais são as leis condominiais e de trabalho que devem ser responsabilidade da administradora, garantindo que essas sejam sempre cumpridas à risca. Para um melhor funcionamento geral da gestão, é interessante que o síndico também esteja a par dessas informações. Assim, fica mais fácil fiscalizar e acompanhar o trabalho da administradora.  

09 – Determine a gestão

Em um contrato, há diferentes tipos de gestões que podem estar presentes. Sendo assim, a gestão pode ser completa, abrangendo o auxílio para todas as áreas administrativas do condomínio, e o síndico atual apenas no auxílio de algumas atividades. No caso da gestão compartilhada, como o nome já sugere, o condomínio e a empresa atuam de forma unida na gestão, cabendo a última, a parte burocrática e financeira dos processos. Dessa maneira, determine qual opção é mais proveitosa para você e a utilize como guia na hora de sua escolha.

10 – Fiscalização do conselho

A garantia de um trabalho eficiente vai depender do acompanhamento do conselho do condomínio. Por isso, ele deve checar orçamentos, a parte financeira e administrativa, assim como novos investimentos realizados pela empresa administradora contratada. Dessa maneira, o corpo de conselho será atuante, participativo e eficiente, fazendo com que a gestão possa ser bem-sucedida.

O MyCond é a solução digital perfeita para condomínio e Administradora Condominial!

Agora que você já sabe a importância de uma escolha inteligente e precisa de uma empresa de administração condominial, a próxima etapa é escolher a melhor opção de área no mercado. 

É por isso que, sem dúvidas, você pode contar com o MyCond para uma escolha assertiva e para a melhoria de sua gestão condominial. O MyCond oferece um sistema de gestão eficiente, objetivo e eficaz que irá te ajudar na atuação de uma administração profissional e responsável. 

Não deixe a gestão do seu condomínio e administradora para qualquer um, venha conhecer quem é referência na área! Para saber mais, basta clicar no botão abaixo:

 
Se você tiver dúvidas sobre como funciona ou qual a melhor solução para o seu condomínio, clique aqui e tire dúvidas online com nosso especialista condominial.